N

Neste blog por vezes escreve-se segundo a nova ortografia, outras vezes nem por isso.


quinta-feira, 10 de julho de 2014

PRÉ-ÉPOCA SURREAL



Não, não vou falar de vendas, reforços, empréstimos, brasileiros, argentinos ou sérvios. Não por falta de vontade, mas por manifesta falta de tempo. Porque com o rodopio à volta da nossa equipa, que devia estar a preparar-se de forma concentrada para a época que se avizinha, gastava a mesma quantidade de palavras que Tolstoi gastou para descrever a batalha de Borodino.  
  
Mais simples, e de difícil complicação, deveria ser a definição dos jogos de preparação. Mais do que preparar a equipa perante diferentes níveis de dificuldade, estes serviam para mobilizar adeptos, motivar as massas. Sempre foi assim, desde que me lembro. No entanto, ao que parece, esta confiança pertence ao passado. 

Logo a abrir, o Benfica campeão arrisca-se a defrontar a lagartagem, num jogo que, a realizar-se, nada tem ganhar e muito tem a perder, podendo até desbaratar o capital amealhado com a melhor época dos últimos 50 anos. A posição dos do Lumiar é a inversa, nada têm a perder e se ganharem dão um passo de gigante para restituírem a confiança, que já vem sendo alimentada, de forma artificial, pelos delírios do seu presidente. Delírios levados a sério por uma cúmplice comunicação social. Mais uma vez damos a mão a quem nos morde.   

Ainda mais num torneio organizado por uma associação que não nos respeita e insiste em alterar a história, falseando o palmarés da competição para benefício do clube dos viscondes.  

Se fosse só isto, seria apenas descuido ou desatenção de dirigentes que não conhecem a história do clube que representam. Mas há mais.  

Há um torneio na Suíça, anunciado na Benfica TV (ou BTV? Não sei, não informam), para este fim-de-semana, que pelos vistos não se vai realizar. Há bilhetes vendidos, que agora nada valem, a emigrantes que aguardam um ano inteiro para verem o seu Benfica. Há duas equipas espanholas a anunciarem a presença do Benfica nos seus jogos de apresentação e há o Benfica a desmentir tudo no dia seguinte. Há uma enorme confusão e um progressivo afastamento dos adeptos, o que nunca pode ser positivo.  

Faltam quatro semanas para o primeiro jogo oficial e, para além da taça da desonra, temos três jogos de preparação confirmados. Um clube que se orgulha de ter um grupo de comunicação. 

Talvez seja problema meu que sou curioso demais e os restantes associados estejam mesmo é interessados nos torneios de golfe onde participam os bem pagos administradores e quadros do clube. 

JL

8 comentários:

  1. Tudo serve para bater no ceguinho. O ano passado tb não houve pré-época na Suiça e não foi por isso que como referes e bem fizemos a melhor época dos últimos 50 anos. É preciso calma e paciência, quem está à frente do SLB de certeza que sabe o que está a fazer e de certeza que querem tanto como nós revalidar o titulo de campeão.
    Alex

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O ano passado não houve pré-época na Suiça? Fizemos lá três jogos com o Carouge, Bordéus e Sion!

      Eliminar
    2. Não, não houve.

      Pouco Benfiquismo por aí, ou na altura estavas muito ocupado a espalhar aos sete ventos que tinhamos o pior plantel do planeta?
      Sim, aquele que aparentemente depois passou a ser galático e com ele qualquer besta vencia.
      Tão coerentes na incoerencia!

      Eliminar
  2. Bater no ceguinho?
    Respeitem sim os adeptos para que merecam respeito.
    Respeitem os socios porque é gracas a todos que estao ricos!
    Respeitem os imigrantes, os estrangeiros e os portugueses porque o Benfica nao apareceu em 1995.

    Huey

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. olha o pedófilo. xô daqui

      Eliminar
  4. Não se consegue compreender como é possível uma preparação tão fraca dos jogos de pré-época. Ninguém sabe com certeza absoluta qual é o calendário de pré-época que nesta altura já devia estar completamente definido.

    ResponderEliminar
  5. O Amigo do Guedelhas11 de julho de 2014 às 12:26

    Estas embrulhadas eram desnecessárias ? Eram.
    A comunicação é atabalhoada ? É.
    Mas isso é uma coisa.
    Outra completamente diferente é o racicionio em relação à Taça de Honra: no dia em deixarmos de disputar uma competição por termos qualquer tipo de receio de defrontar a lagartagem, é melhor dedicarmo-nos ao chinquilho ou a torneios de sueca.

    ResponderEliminar